Saulo Valley Press

"O Observador do Mundo"

Criméia: 93% dos eleitores votaram pela Federação Russa, diz pesquisa de rua.

1 comentário

Os resultados oficiais ainda não foram divulgados mas uma pesquisa realizada por militares ucranianos nas ruas, revelou que 93% dos eleitores votaram à favor da transferência da Criméia para a Federação Russa. A crise financeira da Ucrânia pesou tanto quanto a pesada artilharia ao redor das zonas eleitorais. SAIBA MAIS:

Imagem

Por Saulo Valley “O Observador do Mundo” – Rio de Janeiro, 16 de Março de 2013 – 17:51 GMT-3

A questão financeira. Na hora de votar a população da Criméia pensou em fatores relevantes para o seu futuro. O primeiro ponto a ser analisado é a estabilidade econômica da Ucrânia em comparação da Rússia. Neste quesito, a Rússia vence e tem a preferência do voto, com as promessas que estão sendo feitas pelos russos até hoje… Coisa de política: Mais emprego, casas, comida etc.

A questão da segurança. Notem que a Rússia importou sua própria quadrilha e espalhou pela Criméia 170 meliantes que se auto-denominaram “Self-defense group” (grupo de auto-defesa).

Grupos de Auto-defesa da Criméia importados da Rússia por PUTIN

Grupos de Auto-defesa da Criméia importados da Rússia por PUTIN

Em outras palavras: “Milícia” formada por ex-condenados da justiça russa e ex-militares. Por outro lado a população russa tem a amabilidade dos russos nativos e estrangeiros, enquanto que na Ucrânia (por alguma razão desconhecida) os russos nativos e ucranianos estão se estranhando.

A questão da etnia. Como a Criméia é formada por maioria russa, os idosos ainda guardam em suas memórias vivas as chamas do passado, inclusive da era da II Guerra Mundial, quando a região ainda se chamava União Soviética. Para muitos destes idosos, a questão do saudosismo conta. Alguns idosos em depoimentos falaram emocionados da oportunidade de voltar a desenvolver relações fortes com seus parentes na Rússia e suas raízes há 50 anos soterradas nas diferentes crises políticas que fizeram a região mudar de dono umas 6 vezes.

 A questão do medo. O princípio que tem feito a comunidade internacional condenar a invasão russa é que o referendo foi marcado às pressas, para tirar o aspecto de colonização das forças russas na Criméia. Este referendo não teve ares de referendo. As pessoas saíram de suas casas para “esquentar a documentação russa de propriedade da Criméia.”

  • 1 – Desde quando uma eleição pode ser cercada por militares que correspondem ao dobro da população inteira, sem contar com os mísseis que dois deles podem varrer a capital Simferopol do mapa?
Site invadido depois desta matéria sobre a invasão russa durante o referendo

Site invadido depois desta matéria sobre a invasão russa durante o referendo

  • 2 – Aonde já se viu as pessoas não terem o direito de sair de suas casas usando a camisa ou a jaqueta com as cores da bandeira que amam, apenas a bandeira russa?
  • 3 – Aonde já se viu uma zona eleitoral distribuir mais de 20 mil bandeiras russas para os eleitores no momento da votação?
  • 4 – Aonde já se viu numa eleição justa, a distribuição de panfletos com ordens expressas para votar na Federação Russa assinada pelas forças de ocupação e impressa no país invasor?
Cédulas de votação já marcadas à favor de integração à federação russa - close - 13-03-2014

Cédulas de votação já marcadas à favor de integração à federação russa – close – 13-03-2014

Na verdade estes 93% dos eleitores são pessoas que já sabem que não há o que se fazer, quanto a resistência aos rumos da vida no país. Um eleitor comentou que com a situação ao ponto que está só lhe resta votar:

“Вот так товарищи,конечно же все сфальсифицируют,но такие кадры заставляют улыбнутся,а то совсем както грусно”

“Então é claro que todos os camaradas, vão fingir aquele tal sorriso forçado de filmagem, e isso é tudo que importa agora”.

Uma questão de sobrevivência. Enquanto isto as forças russas sobem para o Leste da Ucrânia e invadem a fronteira em 3 pontos. Justamente no momento do referendo. Enquanto a União Européia estuda os próximos pacotes de sanções para despejar sobre a Rússia, os Estados Unidos se calam e o governo da Ucrânia… Bom, é importante que as pessoas saibam que o silêncio da Ucrânia sobre a invasão está ligado ao fato de que com a profunda crise financeira que atravessa, não há nos cofres públicos sequer capital para reagir à intervenção. Uma fonte ligada à cúpula militar do governo disse neste domingo que para reagir à invasão, a Ucrânia precisaria de pelo menos 6 milhões e este dinheiro não existe. Existe sim, um dívida milionária com a Rússia. Tanto que a União Européia e os Estados Unidos anunciaram um empréstimo para a Ucrânia que nos próximos dois anos somariam pelo menos 3 Bilhões de Dólares, em função da profunda crise financeira ucraniana. Crise esta que foi pivô das intensas manifestações dos últimos meses no país.

Em função do desemprego, não há muito o que se fazer para socorrer a Ucrânia. Se a Rússia decidiu invadir a Ucrânia, logo Kyev estará convocando seu povo para mais um referendo, pois não há como revidar diante de tal realidade. Seria um ataque suicida  ineficiente. Inútil.

Filosofia nazista

Russos exaltam o nazismo na Criméia - Referendo

Russos exaltam o nazismo na Criméia – Referendo

Enquanto a Rússia cresce na mente da população que parece absorver rapidamente a nova realidade, há internautas exibindo bandeiras russas, bandeiras nazistas e bandeiras comunistas. Pronto agora só falta Putin se vestir à caráter (Hittler). Um grupo de internautas ucranianos desenharam o mapa da Rússia em dias realidades:

  1. A fronteira russa desenhada no mapa mundi tradicional
  2. A fronteira da Rússia se estendendo até ocupar todos os territórios da antiga União Soviética.

Se conseguir autorização vou postar esta imagem aqui em breve.

Para mais atualizações não se esqueçam de acessar ao meu blog: saulovalley.blogspot.com

Autor: Saulo Valley

Jornalista da Web, repórter, escritor, poeta, radialista, cinegrafista, fotógrafo, Videoprodutor, músico, compositor, modelador 3D, Mestre de Kung Fú e instrutor de Boxe Chinês. Os fatos mais atuais sob olhar analítico do "OBSERVADOR DO MUNDO". Acesse Saulo Valley Post in http://paper.li/f-1326286418 ou http://saulovalley.blogspot.com

Um pensamento sobre “Criméia: 93% dos eleitores votaram pela Federação Russa, diz pesquisa de rua.

  1. Pingback: A nova realidade da Criméia: Revista de pedestres e reforço de armamento militar | Saulo Valley Press

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s