Alguns padrões de comportamento são visíveis na vida do assassino de Realengo, que no dia de ontem matou 10 meninas, 1 menino e feriu outras 17 pessoas entre alunos e professores.

Por Saulo Valley – Rio de Janeiro, 08 de Abril de 2011 – 12h35min.

Primeiro ponto é que criminosos costumam ter dois perfis públicos:

  1. Ou ele é muito popular e faz boas ações para encobrir seu lado criminoso.
  2. Ou ele é desconhecido. Não cria laços de amizade que possam comprometer sua identidade e suas intenções.
Seung-Hui Cho - Assassino americano.

Segundo ponto é que suicidas são dois tipos:

  1. Maníaco-depressivo é o que caracteriza o comportamento de pessoas com tendência exageradamente depressiva. Complexo de inferioridade e angústia ao extremo.  Elas se isolam porque acham que o mundo é inalcançável e que a sociedade é grande demais pra ela. Estas pessoas podem ser encontradas mortas, por suicídio, de repente.
  2. Psicopatas são egocêntricos e querem que o mundo gire em torno de suas próprias idéias sobre o mundo. Para eles o mundo é inferior. Eles são “escolhidos” por uma força superior (normalmente Deus) e desejam castigar o mundo por sua ignorância e perversão. Para um psicopata morrer, ele deseja que muitos morram com ele e se matará pra que ninguém tenha esta “glória” de se mostrar melhor ou melhor preparado que ele. Quando ele morrer, fará com que a ocasião entre para a história. CONTINUA>>>
Anúncios