>

Por Saulo Valley – Rio de Janeiro, 29 de Janeiro de 2011 – 22h59min.

Depois do escândalo do Rodeio das Gordas na Unesp em Araraquara/ São Paulo, vem um monte de denúncias de alunos contra a apatia do Reitor da Universidade de Brasília.

Agora sendo pressionado pelo Ministério da Educação, pela Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM) da Presidência da República e o resto do mundo! A manutenção do trote nas universidades é um escândalo à parte e joga por terra todo o esforço de construção de um futuro promissor na vida destes jovens que vivem pressionados pela mídia transexual e promíscua.

Com tantas reclamações, eu não entendo porque as Universidades alimentam esta palhaçada!
Isto não tem nada haver com honra, glória ou sucesso.

 
 Foi difícil chegar? É pra todo mundo! Em qualquer lugar é assim! Boasvindas? Dá um aperto de mãos.
Agora vai me dizer que brincadeiras como esta na foto ao lado não temsegundas intenções? “vamos brincar de Elefantinho?” Ah fala sério!

Porque vocês não vão estudar logo! Mais de 80% dos formandos saem dafaculdade sem saber nada!
São pessoas que praticam o “decoreba” deste o ensino básico. Usammemória descartável Aprendem. Respondem. Esquecem. Pra sempre!

Agora me respondam: No que isto muda na vida de um recém chegado nauniversidade? Nem no Exército tem esta palhaçada! Este negócio de iniciação écoisa de seita ou sociedade secreta. Não vi que a universidade se parecia comuma sociedade secreta…

E porque as autoridades COMPETENTES não proíbem definitivamente o trote nasescolas e universidades?

É simples: Chegar, estudar e se formar. Pronto! Não precisam de mais do queisto, e olha que dos muitos que se formam, poucos sabem alguma coisa!

E pra ser mais direto, não acredito que as meninas tenham sofrido humilhação. Humilhação é quando a pessoa é OBRIGADA. As mulheres tem sido as primeiras a procurar uma farrinha! É impressionante como elas andam sacanas (desculpe a grosseria)!

Eu posso dizer que no Brasil temos umensino ridículo, e que o fato de as pessoas terem um “diplominha” nãorepresenta que elas tenham um cérebro! Isto elas já deveriam ter antes deentrar na universidade.
Na verdade o pessoal está entrando naescola só pra aprender termos técnicos. Saem de lá sem saber fazer nada, sabepor quê? Por motivos como este, que perduram por todo o curso: FARRA!
Ainda aparecem alguns que se esforçamMUITO pra conseguir estudar no meio de toda esta bagunça. Estes precisam ter otriplo de concentração, vontade aprender e determinação!

Pessoas que sonham com um mundo melhor,mas descobrem que tudo o que ouvem sobre uma universidade não condiz com o queencontram lá!

Anúncios