>

Publicação no site huffingtonpost.com

Por Saulo Valley – Rio de Janeiro, 29 de Janeiro de 2011 – 11h48min.

A lista de reclamações e desapontamentos vem crescendo sem parar! Diariamentejornalistas, estudiosos e a população em geral enumeram uma lista de decepçõescom o Governo Obama.

Da guerra do Iraque, passando pelo Afeganistão, o conflito no Egito, aodesemprego, ao desgoverno político e às inúmeras denúncias confirmadas decorrupção, fraude e genocídio, em que Washington simplesmente se cala.

Quando abre a boca, é para ameaçar o seu denunciante, mas nada há que sedefender!

Desarmado pelas verdades irrefutáveis, Obama parece se esconder atrás deHillary Clinton que é uma formiguinha lutando com unhas e dentes para defenderum leão assustado.

No combate aos cartéis de drogas do México, todos aqueles equipamentos deúltima geração da chamada “Warfare” a guerra moderna, não conseguemestabilizar o país que implora por ajuda!

Prometendo salvar o mundo e resgatar a dignidade de povos que nunca ativeram, a águia da América deixa seu ninho e vai sobrevoar em outras áreas,das quais não tem o menor controle, enquanto seus filhotes estão famintos…

Se todo o capital investido em guerras ao redor do mundo e na”estabilização” de povos nunca estabilizados, fosse gasto em casa, a Américateria sua economia estabilizada e jamais teria perdido a liderança.

Liderado por Bush, a América passou a fazer da turbulência, um padrão devida. A América tem tentado se sustentar nos braços de seu presidente atual, que vai dandotristes demonstrações de agonia e fraqueza. Logo seu tempo de desesperocessará. Assim que for substituído.

Se o novo governo não tornar se mais asiático que americano, terá tendênciasa repetir os massacres do passado e a América provavelmente viverá dias deEgito, Tunísia, Haiti e Sudão.

Tornar-se comercialmente mais agressivo, não significa apontar armas contraseus clientes; Isto é um claro sinal de desespero, que é um claro sinal de falta de domínio sobre a adversidade.

Anúncios