>Preso Salvador Cortêz Mezza. Um dos principais chefes do tráfico de mulheres mexicanas para os Estados Unidos. Atraídas por generosas ofertas de emprego, fama e outras “facilidades” é que inúmeras mulheres mexicanas entre 15 e 18 anos, eram traficadas para os Estados Unidos. A quadrilha atuava principalmente na área de Atlanta.

No vídeo, testemunha conta que no início, elas eram obrigadas a atender cerca de 20 clientes por dia. Em pouco tempo elas já eram obrigadas a atender pelo menos 60 clientes por dia! Uma delas ainda conta sobre a situação de muitas mulheres que entram em depressão e mergulham nas drogas; também pra conseguirem suportar tantos clientes sucessivamente!

Anúncios